Existe Ômega-3 Vegano?


O Ômega 3 é considerado essencial na dieta pois nosso corpo não consegue sintetizá-lo diretamente. A mais abundante forma encontrada na alimentação é o ALA, presente principalmente na linhaça, chia, soja e nozes. O ALA é convertido pelo nosso corpo em EPA e DHA, importantes para saúde neurológica, celular e cardiovascular. 

Peixes de águas frias e profundas são fontes alimentares diretas de EPA e DHA pois se alimentam de algas que os sintetizam. Ao consumir esses peixes, consumimos EPA e DHA. 

Porém, como somos capazes de sintetizá-los a partir do ALA, encontrado nos alimentos de origem vegetal, não há necessidade de consumir o ÔMEGA 3 de origem animal. Essencial para nós é consumir o ALA, independente da origem.

Ômega-3 vegano

Grandes instituições mundiais de saúde, como NIH e Health Canada, sugerem um consumo de ALA que gira em torno de 1,25 a 2,5% do total calórico diário. Portanto, em uma dieta de 2.000 kcal, significa 1 col. de chá de óleo de linhaça ou 1 col. de sopa de semente de linhaça.

Um pote de Sport Protein da Mother Nutrients possui 630 mg de ômega-3 de pura origem vegetal, fornecendo toda a quantidade de ALA necessária para o corpo humano sem afetar o meio-ambiente. 

Na MOTHER, melhoramos o mundo fazendo suplementos à base de plantas, ridiculamente gostosos, sem textura de areia e sem vacas, para quem quer levar uma vida atlética com responsabilidade, cuidando do planeta. Venha plantar mudanças surpreendentes com a gente.

 

Leia também: Nutrientes Sintéticos x Nutrientes Naturais